Os últimos dias têm sido desafiadores para todos nós e, desde o primeiro sinal da possibilidade da epidemia de Coronavírus no Brasil, nós da SuperVia estamos focados em reduzir os riscos de contaminação nos trens e estações (reforçando muito a limpeza, por exemplo), além de reorganizar a rotina de nossos Colaboradores.

Somos um serviço essencial, sabemos da importância do transporte público na sua vida e que ainda temos muito a melhorar. Mas, queremos que saiba que estamos trabalhando incansavelmente e, mais do que nunca, muito empenhados em contribuir com o Rio de Janeiro.

Com as medidas do Governo do Estado para conter a disseminação da doença, nos dias úteis, mais de 60% dos Clientes já estão ficando em casa. Isso significa que as pessoas estão se protegendo e entendendo que vencer esse vírus depende da atitude de cada um. Por isso, contamos com a colaboração de todos para o respeito às novas medidas para contenção da COVID-19, como o uso de máscaras de proteção no interior dos trens e estações, que se tornou obrigatório por meio do decreto 47.060, do Estado do Rio de Janeiro.

Sobre a Lei Estadual 8.800, que prevê a disponibilização de álcool em gel nas dependências da ferrovia, instalamos totens e dispensers em todas as estações em funcionamento. Em ambos os equipamentos o acionamento é feito sem o toque das mãos e o produto é liberado em quantidade suficiente para a higienização, evitando o desperdício.

Funcionamos com uma operação ajustada para adequação à nova realidade. Os intervalos foram alterados nos dias úteis e aos finais de semana, antecipamos o início da circulação nos ramais Japeri, Santa Cruz e Saracuruna e postergamos o término da operação no ramal Saracuruna (detalhamento completo mais abaixo) para atender aquelas pessoas que passaram a contar somente com o trem como meio de transporte.

Todas as mudanças respeitam as determinações do Estado (especialmente, mas não se limitando, ao decreto 46.983), e serão avaliadas de perto no dia a dia. Vamos mantê-los informados por aqui e através dos outros canais de comunicação.

Veja como estamos operando neste período:

Dias úteis

Ramal Deodoro

  • Atendido pelos ramais Japeri Santa Cruz;
  • Com a antecipação do início da operação do ramal Japeri, as estações do ramal Deodoro passam a abrir pelo menos 20 minutos mais cedo.

Ramal Santa Cruz

  • Trens paradores durante todo o dia, sem partidas intermediárias da estação Campo Grande;
  • Temos mais partidas da Central do Brasil para Santa Cruz no pico vespertino. Entre 16h e 17h, o intervalo entre trens é de 12 minutos, e entre 17h e 18h, o intervalo entre trens é de 10 minutos.

Ramal Japeri

  • Trens paradores durante todo dia, com alteração nas partidas extras das estações Queimados e Nova Iguaçu, que passam a ser realizadas no novo horário de pico do ramal;
  • Estação Nova Iguaçu abre mais cedo e o primeiro trem tem previsão de partida para 4h02, ou seja, 30 minutos antes do praticado até 31/03. Além disso, três trens extras partirão dessa estação com destino à Central do Brasil, entre 4h30 e 6h30;
  • Com a antecipação do início da operação no ramal, as estações que estão funcionando passam a abrir pelo menos 20 minutos mais cedo.
  • O ramal passa a contar com mais trens, com a redução do intervalo de 15 para 12 minutos desde 4h da madrugada;
  • O horário de pico do ramal Japeri na volta para casa foi antecipado em 30 minutos, tendo início às 15h35;
  • Temos mais partidas da Central do Brasil para Japeri no pico vespertino. Entre 16h e 17h, o intervalo entre trens é de 12 minutos, e entre 17h e 18h, o intervalo entre trens é de 10 minutos;
  • Reforço na equipe de estações de Nova Iguaçu para orientar os passageiros a manterem uma distância segura de 1,5m no caso de formação de fila do lado de fora da estação em função da triagem para acesso pela PMERJ.

Ramal Saracuruna

  • Partidas de Saracuruna para a Central do Brasil e da Central do Brasil para Saracuruna o dia todo;
  • Nos horários de pico, também haverá partidas de Gramacho para a Central do Brasil e da Central do Brasil para Gramacho;
  • Estação Duque de Caxias abre mais cedo e o primeiro trem tem previsão de partida para 4h08, ou seja, 45 minutos antes do praticado até 31/03;
  • Com a antecipação do início da operação no ramal, as estações que estão funcionando passam a abrir, em média, 40 minutos mais cedo;
  • O ramal passa a contar com mais trens, com a redução do intervalo de 15 para 12 minutos desde 4h da madrugada;
  • O horário de pico do ramal Saracuruna na volta para casa foi antecipado em 30 minutos, tendo início às 15h43;
  • Temos mais trens no ramal, com redução de intervalo médio de 15 para 12 minutos entre 17h e 18h nas partidas da Central do Brasil;
  • Reforço na equipe de estações de Duque de Caxias para orientar os passageiros a manterem uma distância segura de 1,5m no caso de formação de fila do lado de fora da estação em função da triagem para acesso pela PMERJ.

Ramal Belford Roxo

  • Opera apenas com viagens paradoras.

Extensão Vila Inhomirim

  • Opera com grade de sábado.

Extensão Guapimirim

  • Operação suspensa desde 04/04.

Extensão Paracambi

  • Operação suspensa desde 21/03.

Seguindo recomendações dos órgãos públicos de saúde, os bicicletários estão fechados desde 19/04.

                

 

Sábados

Ramal Deodoro

  • Atendido pelos ramais Japeri e Santa Cruz.

Ramal Santa Cruz

  • Trens paradores durante todo o dia.

Ramal Japeri

  • Trens paradores durante todo o dia;
  •  Antecipação em 40 min do início da operação, a partir da estação Queimados, para 4h10 em vez de 4h50;
  • Mais trens no ramal com redução de intervalo médio de 25 para 15 minutos entre 4h35 e 7h05.             

Ramal Saracuruna

  • Operação direta até a Central do Brasil, com partidas de Saracuruna para a Central do Brasil e da Central do Brasil para Saracuruna o dia todo;
  • Antecipação em 70 min do início da operação, a partir da estação Saracuruna, para 4h19 em vez de 5h29;
  • Postergação em 25 min do encerramento da operação, com partida da estação Central do Brasil às 21h26 em vez de 21h01;
  • Mais trens no ramal com redução de intervalo médio de 25 para 20 minutos entre 6h e 7h a partir da estação Saracuruna.

Ramal Belford Roxo

  • Opera apenas com grade de sábados.

Extensão Vila Inhomirim

  • Opera com grade de sábado.

Extensão Guapimirim

  • Operação suspensa desde 04/04.

Extensão Paracambi

  • Operação suspensa desde 21/03.

Seguindo recomendações dos órgãos públicos de saúde, os bicicletários estão fechados desde 19/04.

                

Domingos e feriados

Ramal Deodoro

  • Atendido pelos ramais Japeri e Santa Cruz.

Ramal Santa Cruz

  • Trens paradores durante todo o dia.
  • Acréscimo de viagem e antecipação da primeira partida do dia do terminal Santa Cruz para a Central do Brasil de 5h32 para 4h55;

Ramal Japeri

  • Trens paradores durante todo o dia;
  • Antecipação em 40 min do início da operação, a partir da estação Nova Iguaçu, para 4h28 em vez de 5h08;
  •  Mais trens no ramal com redução de intervalo médio de 30 para 20 minutos do início da operação até 7h26, no sentido Japeri -> Central do Brasil, e das 6h56 às 7h56 e 17h56 às 19h56 no sentido Central do Brasil -> Japeri.

Ramal Saracuruna

  • Operação direta até a Central do Brasil, com partidas de Saracuruna para a Central do Brasil e da Central do Brasil para Saracuruna o dia todo;
  • Antecipação em 40 min do início da operação, a partir da estação Saracuruna, para 4h53 em vez de 5h33;
  • Mais trens no ramal com redução de intervalo médio de 30 para 20 minutos entre 4h53 e 5h33 a partir da estação Saracuruna.
  • Acréscimo de 6 viagens no ramal na parte da noite. A última partida da Central do Brasil para Saracuruna passa de 18h55 para 20h15 e a última partida de Saracuruna para a Central do Brasil passa das 18h41 para 19h33.

Ramal Belford Roxo

  • Opera apenas com grade de domingos e feriados.

Extensão Vila Inhomirim

  • Opera com grade de domingos e feriados.

Extensão Guapimirim

  • Operação suspensa desde 04/04.

Extensão Paracambi

  • Operação suspensa desde 21/03.

Estações com controle de acesso

O embarque nas estações abaixo será autorizado apenas para profissionais de serviços essenciais* (saiba mais abaixo), através de triagem e controle de acesso realizado pela Polícia Militar:

Ramal Japeri:

Nilópolis (somente o mezanino do calçadão está em funcionamento)

Edson Passos

Mesquita

Nova Iguaçu

Comendador Soares

Austin

Queimados 

Engenheiro Pedreira

Japeri (somente o mezanino próximo ao bicicletário está em funcionamento)

 

Ramal Belford Roxo:

Pavuna/São João de Meriti (somente o mezanino Pavuna está em funcionamento)

Belford Roxo

 

Ramal Saracuruna:

Duque de Caxias

Corte Oito 

Gramacho 

Saracuruna (somente acessos no nível da rua estão em funcionamento, ou seja, que não sejam por mezaninos)

 

Estações que não estão funcionando:

Ramal Deodoro: Silva Freire

Ramal Japeri: Olinda e Presidente Juscelino

Extensão Paracambi: Paracambi e Lages

Ramal Belford Roxo: Vila Rosali, Agostinho Porto e Coelho da Rocha

Ramal Saracuruna: Campos Elíseos e Jardim Primavera

Extensão Guapimirim: Todas as estações

 

Horário de funcionamento das demais estações 

O horário de abertura e fechamento das nossas estações pode ser conferido em 'Conheça as estações'.

  • Na estação Olímpica de Engenho de Dentro apenas o mezanino "mais antigo" está em funcionamento.
  • Na estação Madureira apenas o acesso que faz transferência com o BRT está em funcionamento desde 01/05.
  • Na estação Méier, apenas o acesso próximo do Hospital Salgado Filho está em funcionamento desde 01/05.
  • Na estação Corte 8, apenas o acesso A (sentido Saracuruna) está em funcionamento desde 01/05.

*O que é considerado serviço essencial?

De acordo com a Resolução Conjunta SEEDERI: SETRANS Nº8, consideram-se:

  • Servidores públicos em serviço, inclusive aqueles relacionados às forças armadas, bombeiro militar, e agentes de segurança pública;
  • Profissionais do setor de saúde em geral, inclusive individuais que prestem serviços de atendimento domiciliar, excetuando-se os serviços de natureza estética;
  • Profissionais do setor de comércio relacionados aos gêneros alimentícios, tais quais mercados, supermercados, armazéns, hortifrútis, padarias e congêneres, farmácias drogarias e pet shops, revendedores de água e gás;
  • Profissionais do setor de serviços tais quais transporte e logística em geral, como transportadoras, portos e aeroportos, motoristas de transporte público, correios, e congêneres, serviços de entregas, distribuidoras, fornecimento de catering, bufê e outros serviços de comida preparada, asseio e conservação, manutenção predial, empregados em edifícios e condomínios, vigilância e segurança privada, lavanderias hospitalares, veterinárias, funerárias, imprensa, serviços de telecomunicação e postos de gasolina;
  • Profissionais do setor industrial que exerçam atividades nas indústrias de alimentos, bebidas, farmacêutica, material hospitalar, material médico, produtos de higiene, produtos de limpeza, ração animal, óleo e gás, serviços de apoio às operações offshore, refino, coleta de lixo, limpeza urbana e destinação de resíduos, distribuidoras de gás e energia elétrica e companhias de saneamento.

 

Poderão, ainda, utilizar as linhas intermunicipais pacientes em tratamento de saúde, com até 1 acompanhante, desde que munidos de atestado médico, agendamento ou outro documento comprobatório da condição médica.

 

Como comprovar que exerço um serviço essencial?

A comprovação deverá ser realizada através de documento de identidade profi­ssional, carteira de trabalho ou crachá funcional acompanhado de identidade ofi­cial.

 

Sabemos que o momento é difícil e requer precaução. Por isso, contamos com o apoio de todos para, juntos, conseguirmos minimizar os riscos da contaminação e ajudar a transportar com segurança quem realmente precisa estar nas ruas neste momento.